Um BLOG de incentivo à oração...

Quantas vezes você se sentiu tentado a seguir com a corrente, porque nadar contra a maré era simplesmente muito difícil? Quantas vezes você se sentiu pressionado a abrir mão de seus princípios e de sua fé para não ser marginalizado pelo seu grupo de amigos? Quantas vezes você já olhou para os lados e experimentou aquela sensação de estar sozinho, mesmo estando rodeado por uma multidão?

Não se desanime! Você não está sozinho! O Senhor mesmo já disse que Ele tem separado muitos outros que também não se renderam, nem abriram mão de sua fé.

É por isso que este espaço foi criado:

- para compartilhar testemunhos, impressões e experiências de nossa caminhada com Deus;

- para edificar uns aos outros e incentivar a permanecer firmes na fé;

- para desafiar cada um a ser um aventureiro espiritual, ou seja, a arriscar na fé e a orar orações extravagantes;

- para, juntos, intercedermos por nosso país e por outros países, ainda não alcançados por Deus;

- para, juntos, esperarmos pela volta do Senhor Jesus!

terça-feira, 31 de maio de 2011

Salmo 1

Provavelmente, depois do Salmo 23, o Salmo 1 é um dos mais conhecidos, citados, memorizados.
João Alexandre cantou-o em moda de viola, no estilão bem brasileiro.
Na semana passada, postamos “Debruçado na porteira” (videoclipe), incentivando os visitantes a orar pelo Brasil, em especial, pelos que vivem na roça, no sertão, no interior, no meio rural.
A música caipira, sertaneja (country brasileira) nos remete ao mundo rural em oposição ao agito urbano. Continuem orando pelo Brasil interior, para que o amor à Palavra seja despertado, para que haja pessoas “como árvore plantada junto a ribeiro de águas”.
Ao ouvir e ver o clipe que postamos hoje, que você possa se sentir desafiado a orar pelos  cantores e músicos da música sertaneja, da música caipira brasileira. Eles precisam de salvação, precisam conhecer o Deus Criador dos céus e da terra.
Recentemente, a mídia divulgou a prisão de uma dupla sertaneja do interior de SP, cuja atividade paralela à música era escusa. Outro cantor de dupla sertaneja se envolveu em acidente aéreo devido ao não cumprimento da lei. Eles precisam amar a Lei do Senhor e não andar no caminho dos ímpios.  Orem para que eles reconheçam e aceitem o senhorio de Cristo em suas vidas.
Deus abençoe e enriqueça sua vida de oração.


Na paz e no amor do Senhor,
Rebeca e Ester Hansen

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Para uma semana abençoada!


8. De todos os lados somos pressionados, 
mas não desanimados; 
ficamos perplexos, mas não desesperados; 

9. somos perseguidos, mas não abandonados; 
abatidos, mas não destruídos. 

17. pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos 
estão produzindo para nós uma glória eterna 
que pesa mais do que todos eles. 

18. Assim, fixamos os olhos, 
não naquilo que se vê, 
mas no que não se vê, 
pois o que se vê é transitório, 
mas o que não se vê é eterno. 

2 Coríntios 4

sábado, 28 de maio de 2011

Frases sobre Oração para motivar o coração




A natureza da bondade divina 
não está apenas 
em abrir àqueles que batem, 
mas  também 
em levá-los a bater e pedir. 

(Agostinho)

terça-feira, 24 de maio de 2011

O peso da oração


Uma pobre senhora, com visível ar de derrota estampado no rosto, entrou num armazém, se aproximou do proprietário conhecido pelo seu jeito grosseiro, e lhe pediu fiado alguns mantimentos.
Ela explicou que o seu marido estava muito doente e não podia trabalhar e que tinha sete filhos para alimentar.
O dono do armazém zombou dela e pediu que se retirasse do seu estabelecimento.
Pensando na necessidade da sua família ela implorou: 
- Por favor, senhor, eu lhe darei o dinheiro assim que eu tiver...
Ele lhe respondeu que ela não tinha crédito e nem conta na sua loja. 
Em pé no balcão ao lado, um freguês que assistia a conversa entre os dois se aproximou do dono do armazém e lhe disse que ele deveria dar o que aquela mulher necessitava para a sua família por sua conta.
Então o comerciante falou meio relutante para a pobre mulher: 
- Você tem uma lista de mantimentos?
- Sim -, respondeu ela.
- Muito bem, coloque a sua lista na balança e o quanto ela pesar, eu lhe darei em mantimentos!
A pobre mulher hesitou por uns instantes e com a cabeça curvada, retirou da bolsa um pedaço de papel, escreveu alguma coisa e o depositou suavemente na balança. Os três ficaram admirados quando o prato da balança com o papel desceu e permaneceu embaixo.
Completamente pasmado com o marcador da balança, o comerciante virou-se lentamente para o seu freguês e comentou contrariado: 
- Eu não posso acreditar!.
O freguês sorriu e o homem começou a colocar os mantimentos no outro prato da balança. Como a escala da balança não equilibrava, ele continuou colocando mais e mais mantimentos até não caber mais nada.
O comerciante ficou parado ali por uns instantes olhando para a balança, tentando entender o que havia acontecido... Finalmente, ele pegou o pedaço de papel da balança e ficou espantado pois não era uma lista de compras e sim uma oração que dizia: 
- Meu Senhor, o senhor conhece as minhas necessidades e eu estou deixando isto em suas mãos...
O homem deu as mercadorias para a pobre mulher no mais completo silêncio, que agradeceu e deixou o armazém. O freguês pagou a conta e disse: 
- Valeu cada centavo...
Só mais tarde o comerciante pode reparar que a balança havia quebrado. Entretanto, só Deus sabe o quanto pesa uma oração...


Não existe impossível para DEUS! "DEUS DIZ: - EU SUPRIREI TODAS AS SUAS NECESSIDADES" (Filipenses 4:19).



segunda-feira, 23 de maio de 2011

Para uma semana abençoada!


11. Quando eu era menino, 
falava como menino, 
pensava como menino 
e raciocinava como menino. 
Quando me tornei homem, 
deixei para trás as coisas de menino.

9. Pois em parte conhecemos 
e em parte profetizamos;

10. quando, porém, vier o que é perfeito, 
o que é imperfeito desaparecerá.


1 Coríntios 13

domingo, 22 de maio de 2011

Debruçado na porteira


Já há algum tempo, queríamos fazer um videoclipe sobre a música do João Alexandre “Debruçado na porteira”. Curtir o vibrar das cordas de uma viola sob os dedos de alguém que canta a brasilidade para Deus é muito bom.
A letra nos remete àquelas cenas bucólicas, rurais, bem brasileiras. Nos fez lembrar das lindas paisagens de algumas das férias maravilhosas em hotéis-fazendas.
Como este blog é de incentivo à oração, assistindo ao videoclipe, lembrem-se de orar pelos brasileiros do campo, do sertão, do interior.

É comum vermos aqueles que vivem na roça, limitados, presos à tradição da religião, sem saber que podem desenvolver um relacionamento direto e vivo com o Criador.  Se tivessem relacionamento diário com Deus, poderiam receber direção sobre quando plantar, o que plantar, orar pela chuva e receber a benção (como no filme "O fazendeiro e Deus"), ter os frutos abundantemente multiplicados, ter a terra infértil sarada , enfim, poderiam transpor as dificuldades financeiras impostas pela política agrícola brasileira injusta e vencer a pobreza. Orem por isso.

Enquanto selecionávamos as bucólicas cenas rurais brasileiras na abundância do Google (juntando às fotos das nossas viagens), também nos deparamos com imagens chocantes:  cadáver ensangüentado de agricultor em diferentes lugares do Brasil, página após página, ou a pobreza de camponeses que não tiveram a “sorte” dos bons negócios.
Oremos também para que a justiça de Deus reine no Brasil interior, no Brasil agrário, onde inocentes são mortos, onde o medo e a extorsão imperam, onde a maldição sobre a terra improdutiva prevalece, devido à ignorância ao Evangelho que liberta.

Oremos para que a Verdade que liberta chegue à cada fazenda, a cada sítio, a cada canto do sertão; e que o canto de louvor ao Senhor se faça ouvir no silêncio, na solidão dos campos.

Na paz e no amor do Senhor,
Rebeca e Ester Hansen

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Para uma semana abençoada!


11. Vistam toda a armadura de Deus, 
para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo,

12. pois a nossa luta não é contra pessoas, 
mas contra os poderes e autoridades, 
contra os dominadores deste mundo de trevas, 
contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais.

13. Por isso, vistam toda a armadura de Deus, 
para que possam resistir no dia mau 
e permanecer inabaláveis, 
depois de terem feito tudo.

14. Assim, mantenham-se firmes, 
cingindo-se com o cinto da verdade, 
vestindo a couraça da justiça

15. e tendo os pés calçados 
com a prontidão do evangelho da paz.

16. Além disso, usem o escudo da fé, 
com o qual vocês poderão apagar 
todas as setas inflamadas do Maligno.

17. Usem o capacete da salvação 
e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus.

18. Orem no Espírito em todas as ocasiões, 
com toda oração e súplica; 
tendo isso em mente, estejam atentos 
e perseverem na oração por todos os santos.

Efésios 6

domingo, 15 de maio de 2011

Praticando a presença de Deus


O autor Philip  Yancey, em seu livro "O Deus (in)visível" cita vários exemplos do que ele aprendeu em sua busca para que o Deus invisível que ele serve e adora pudesse se tornar uma parte mais real e constante em sua vida.
O trecho transcrito abaixo é um desses exemplos - daquilo que ele aprendeu, e de como sua familia praticava...

Também aprendi a respeito da lembrança consciente com o irmão Lawrence, cozinheiro de um mosteiro do século XII, que escreveu o clássico devocional The practice fo the presence of God [A prática da presença de Deus]. Para o irmão Lawrence, a frase “praticar a presença de deus” era algo como a pratica da medicina ou da lei. Para os noviços, está mais para a prática do piano: se praticar bastante, especialmente escalas e exercícios para agilizar os dedos, talvez chegue lá.
O irmão Lawrence realça nossa necessidade da ajuda de Deus e então pergunta abruptamente: “Mas como lhe pedir sem estar com ele? E como estar cm ele sem pensar nele com frequência? E como pensar nele com frequência sem adquirir o hábito santo de fazê-lo?” o irmão Lawrence propõe então uma resposta:
“Ele não pede muito de nós: uma lembrança de quando em vez, um pequeno ato de adoração, depois, implorar sua graça, oferecer-lhe nossas aflições num momento e, em outro, dar graças pelos favore concedidos em meio a lutas, encontrar consolo nele sempre que possível. À mesa e no meio da conversa, elevar a ele seu coração vez por outra. A menor lembrança sempre o agradará. Não é necessário, nesses momentos, clamar em voz alta. Ele está mais perto do que pensamos”.
O irmão Lawrence cita meios práticos para “oferecer seu coração a deus de vez em quando, no decorrer do dia”, mesmo no meio de tarefas, “deliciar-se com ele, ainda que seja de passagem, como que furtivamente”. A profundidade da espiritualidade, segundo Lawrende, não depende de mudar as coisas que vc faz, mas, antes, de fazer para deus o que normalmente faz para si mesmo. Lawrence evitava retiros espirituais porque achava fácil adorar a Deus tanto em meio a suas taregfas diárias quanto no deserto.
Evidentemente Lawrence praticava o que pregava. Em um elogio fúnebre, seu abade escreveu: “O bom Irmão encontrava Deus em toda parte, consertando sapatos, ou orando com a comunidade.. [...] Era Deus, e não sua tarefa, que ele tinha em vista. Sabia que, quanto mais a tarefa fosse contra suas inclinações naturais, maior seria seu amor em oferece-la a Deus”.
O último comentário tocou minha esposa profundamente. Quando ela leu o livro, trabalhava com idosos no centro de Chicago, e às,vezes seu trabalho exigia tarefas que contrariavam as inclinações naturais de qualquer pessa. Qunao tinha de limpar um idoso com incontinência ou arrumar um quarto após uma morte desagradável, lembrafva-se da fórumula do irmão Lawrence. 
Com algum esforço, mesmo a limpeza de um banheiro pode ser oferecida a Deus.
 Philip Yancey
O Deus (in)visível - Editora Vida
Capítulo 16

Na paz e no amor do Senhor,
Ester Hansen

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Deus (in)visível


É muito fácil nos relacionarmos com aqueles que somos capazes de ver. É fácil conversar quando podemos olhar nos olhos da outra pessoa ou, pelo menos, ouvir sua voz... Por isso, também, é muito mais fácil de se desenvolver uma amizade - vendo, falando, ouvindo, tocando a outra pessoa...
Mas, como podemos aplicar isso a Deus? É necessário muito mais esforço para desenvolver um relacionamento, umaamizade com um Deus que é invisível...

O autor Philip Yancey, em seu livro "O Deus (in)visível" fala sobre essas perguntas - "Como podemos nos relacionar com um Deus que não podemos ver, ouvir e tocar"...
Assim, no trecho que transcrevi abaixo, ele dá alguns exemplos de como ele tentou aplicr isso em sua própria vida...
Que possamos refletir sobre isso, e pedir a Deus estratégias para que, ainda que invisível, possamos torná-lo uma parte mais integrante de nossas vidas...

O primeiro grande mandamento exige que amemos a Deus, o que fazemos melhor quando conscientes do seu grande amor por nós. Thomas Merton observa: “A ‘lembrança’ de Deus, sobre a qual cantamos nos salmos, é simplesmente o redescobrimento de que Deus se lembra de nós”. Fica mais fácil lembrar de Deus quando cremos que ele se importa conosco, de maneira pessoal e infinita. 
Devo pedir e continuar pedindo a fé necessária para crer que Deus se deleita e quer se relacionar comigo. Por esse e por outros motivos, estudo a Bíblia não apenas para dominar uma grande obra literária ou para aprender teologia, mas para encharcar minha alma com a mensagem inevitável do amor e do interesse divino.

Alguns gostam de se ajoelhar ou se colocar em uma posição diferente. Sempre consciente da barreira da invisibilidade, procuro maneiras de destacar a realidade de Deus. Com frequência tomo café enquanto oro, pois me parece natural conversar com um Deus invisível do mesmo jeito que converso com amigos visíveis. Ou faço uma caminhada. A paisagem me dá muitos motivos para orar: a vida exuberante da primavera que brota em galhos secos ou o inverno que cobre as estradas lamacentas com um manto branco brilhante. Quando passo pelas casas dos vizinhos, as necessidades deles e de otras pessoas me vêm raidamente à mente.
No decorrer do dia, preciso de incentivos para me lembrar conscientemente. Por um tempo, ajustava o despertador para me chamar de hora em hora. Parava o que estava fazendo, refletia sobre a hora que tiha acabado de passar e lutava para praticar a presença de Deus na hora seguinte. Depois, fiquei sabendo que, sem querer, empreguei a antiga técnica dos monges beneditinos, que paravam para fazer uma oração toda vez que o relógio batia. Com a ajuda desses lembretes durante o dia, pensar em Deus pode gradualmente tornar-se um hábito.
 Philip Yancey
O Deus (in)visível - Editora Vida
Capítulo 16

Na paz e no amor do Senhor,
Ester Hansen

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Para uma semana abençoada!


10. Uma esposa exemplar; feliz quem a encontrar! 
É muito mais valiosa que os rubis.

28. Seus filhos se levantam e a elogiam; 
seu marido também a elogia, dizendo:

29. "Muitas mulheres são exemplares, 
mas você a todas supera".

30. A beleza é enganosa, e a formosura é passageira; 
mas a mulher que teme ao Senhor será elogiada.

31. Que ela receba a recompensa merecida, 
e as suas obras sejam elogiadas à porta da cidade.


Provérbios 31

domingo, 8 de maio de 2011

Feliz Dia das Mães! - Memórias

No 2º domingo de maio, comemoramos, no Brasil, o Dia das Mães.
Em homenagem a esse dia, montamos um videoclipe em cima da música “Memórias” que consta no álbum “Voz e Violão” de João Alexandre.
A letra faz alusão à mãe de Jesus, como se conversando com ele depois de crescido, sobre coisas que as mães costumam falar aos seus filhos:  momentos de alegria, de tristeza, de saúde e de doença, de ingenuidade e de esperteza, lembranças da infância e preocupações com o futuro, a carreira. Por isso, mesclamos cenas possíveis no cotidiano de Jesus e cenas atuais.
As mães sempre desejam o que tem de melhor para o futuro de seus filhos. A carreira do filho mais velho de Maria estava predeterminada:  ele deveria curar, consolar e morrer por todos nós. Seu futuro seria curto; teria poucos anos de vida.
E todos nós, tanto daquela época quanto desta,  sendo mães ou filhos, herdamos a vida eterna, pois o  fruto do ventre de Maria era o próprio Deus encarnado, que viveu na Terra para ser o nosso libertador e o nosso remidor, o Cordeiro de Deus.
Maria deve ter vivido muitos momentos de aflição por causa do seu filho. Quantas mães não têm sofrido pelos seus filhos perdidos para a maldade, para os vícios, ou que desaparecem ou morrem precocemente?
A música possa leva-los à reflexão, e  que você possa se lembrar de orar pelas mães que sofrem pelos seus filhos perdidos; orem pelas mães que ainda não conhecem a Jesus.



Na paz e no amor do Senhor,
Ester e Rebeca Hansen 

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Oremos pelo Japão 5 - atualizações e testemunho II

Referente à atualização de 17/abril em www.reviveisrael.org/japanblog:

A igreja de Deus - especialmente seus líderes - deveria estar orando com “suor como sangue” assim como o Senhor Jesus fez antes da cruz no Jardim do Getsêmani. Precisamos orar  como se nossas vidas realmente dependessem disso.
Até mesmo os não-cristãos estão arriscando suas vidas a fim de limpar e restaurar os reatores nucleares - não sabendo quando eles poderiam estar respirando pela última vez.
Para nós a quem foram confiadas a liderança da igreja de Cristo, a embaixada do reino de Deus, agora é tempo para colocarmos nossas vidas na linha de frente, em intercessão e ação pelo Japão.

Aqui em Iwaki  estamos vendo pessoas serem salvas quase todos os dias (como em Atos 2:43-47). Nas áreas do desastre, nos centros de evacuação, e no Centro da Missão Global, pessoas estão procurando Cristo e orando para recebê-lo como Salvador. Através da filha do presidente da companhia (aquela responsável pelo resfriamento dos reatores...), estamos vendo muitos de seus colegas do colégio vindo para a igreja. 
Oração, louvor, adoração e comunhão do amor despertam nas pessoas fome e sede - não por nós - mas pela fonte de todas as coisas que é o próprio Cristo.
Por favor, ore para que a igreja do Senhor continue a ser capaz de assumir o papel de liderança na restauração de nossa cidade e providenciando meios de emprego.
Ontem (16/abr), um amigo me apresentou a um repórter da rede NHK que veio de táxi da cidade de Fukushima para me entrevistar depois de ouvir sobre o que está acontecendo aqui em Iwaki. Antes desse encontro, eu me encontrei com representantes do governo (província) e outros líderes de NPO (Organização sem fins lucrativos) no Japão. É muito claro, agora, que o povo do Japão não tem como prever o futuro. Sem o Evangelho de Cristo e a palavra de Deus,  não podemos falar de esperança para o futuro.
As coisas que permanecem para sempre são fé, esperança e amor - e o maior destes é o amor.
Vamos orar para que o amor e a justiça de Deus cresçam e brilhem mais e mais no Japão; e que muitas pessoas possam se arrepender antes do julgamento final de Deus.

Como podem ver, há muitos pedidos de oração incluídos nessas palavras.
Não deixemos de nos lembrar desse povo em nossas orações.
Uma vez que já não estão mais sendo tão comentados na mídia, temos a tendência de nos esquecer deles e de suas necessidades. Mas mesmo que nós nos esqueçamos, aqueles que estão lá, não podem esquecer. Eles têm de continuar trabalhando, continuar se esforçando, continuar confiando.
Que nós possamos fortalecer as mãos deles com nossas orações  e intercessões...

Entrem no site da SOS....
Lá há 2 textos em Português, escritos por brasileiras. Elas relatam as mesmas coisas - as dificuldades do dia-a-dia pós tsunami + novos tremores e a procura por Deus. Vale a pena conferir. O texto que postei são relatos de um japonês (Ikarashi), postado no blog de um judeu (Ariel), em inglês.  


Na paz e no amor do Senhor, 
Ester Hansen

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Oremos pelo Japão 4 - atualizações e testemunho

Há alguns dias, postei os comentários  retirados de www.reviveisrael.org/japanblog. Aproveito para deixar em Português novas informações sobre o que tem acontecido em Iwaki (região de Fukushima) para continuarmos orando e intercedendo pelo trabalho de restauração e de pregação do evangelho.

Referente à atualização de 12/abril
"Fique firme, Fukushima" - frase escrita na parede de um dos centros de desabrigados.
No dia 11 de abril, portanto, 1 mês após o grande terremoto & tsunami que arrasou a costa nordeste japonesa, houve outro terremoto em Iwaki - provavelmente sete, na escala Richter. A eletricidade foi cortada e o fornecimento de água também. Continuamos trabalhando no escuro e começamos a louvar ao Senhor. 
Buscar ao Senhor e adorá-lo é o trabalho mais importante que nós podemos fazer. Alguém pegou um violão e outra pessoa começou a tocar percussão enquanto cantávamos a música "Senhor, nós te exaltamos". Exatamente quando chegamos no trecho "do túmulo até o céu" (que em japonês é, literalmente, "Ressurreto"), a eletricidade voltou. Só podíamos nos regozijar pelo sincronismo maravilhoso.
O governo considerou como 7 o nível de crise do acidente do reator nuclear de Fukushima, o mesmo de Chernobyl.
Chegamos a entrar na área restringida (menos de 20km dos reatores) com nosso próprio contador Geiger. Constatamos pouquíssima radiação ao voltarmos da cidade de Tomioka. Mas o fato de se considerar “nível VII” mostra quão sério o problema é, é poderia ser. Por favor, orem.

Referente à atualização de 15/abril
Nossas vidas estão cheias de experiências projetadas para nos levar mais perto de Deus. terremoto, tsunami, reatores nucleares, etc. estão sendo usados para levar as pessoas a se curvarem humildemente diante de Deus.
Ontem (14/abr), recebi permissão para entrevistar o presidente da companhia responsável pelas turbinas elétricas que estão bombeando a água através dos reatores nucleares de "Daiichi"... A filha dele recebeu o Senhor ano passado, e fui com ela econtrar-me com seu pai. Falávamos sobre a necessidade dela apresentar forte testemunho para sua família ao ser batizada.
A igreja de Deus deve colocar suas vidas na linha em oração por aqueles que estão colocando suas vidas na linha para trabalhar naqueles reatores. Nós precisamos até mesmo arriscar nossas vidas para introduzi-los a Cristo.
Estamos tão acostumados a priorizar a visão de mundo da mídia, e isso nos coloca em um estado de medo e confusão. Mas se  permanecermos na Palavra de Deus e confiarmos no Criador do mundo Todo-Poderoso, então, assim como Noé construiu a arca, assim como Moisés atravessou o Mar Vermelho, assim como Abraão ofereceu Isaque... nós também podemos ouvir a voz do Senhor e nos mover para frente ou parar quando tivermos de fazê-los.
Vamos orar para que a presença de Deus cubra o Japão...
Encontrei-me com o presidente da empresa , dei-lhe minha Bíblia como um precioso presente. Por favor, ore por este homem, para que ele receba, do Senhor, a vida eterna como presente.

Como o texto era bastante extenso, estou dividindo em duas partes.
Amanhã, estarei postando mais daquilo que este irmão (Sr.Yoshitaka Ikarashi) tem falado sobre a situação no Japão.
De qualquer forma, não deixe de orar!!!
Na paz e no amor do Senhor,
Ester Hansen

terça-feira, 3 de maio de 2011

Orando com a Palavra VII

Pela liberação de graça para levar a igreja à maturidade especialmente para ser abundante em amor e santidade. 

“Rogando incessantemente (para que Deus libere Seu Espírito e graça)de noite e de dia, para que possamos ver o vosso rosto e suprir o que falta à vossa fé? Ora, o próprio Deus e Pai nosso e o nosso Senhor Jesus nos abram o caminho até vós, e o Senhor vos faça crescer e abundar em amor uns para com os outros e para com todos, como também nós abundamos para convosco; para vos confirmar os corações, de sorte que sejam irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus com todos os seus santos. 
(1 Tessalonicenses 3:10-13)

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Para uma semana abençoada!


28. Será que você não sabe? Nunca ouviu falar? 
O Senhor é o Deus eterno, o Criador de toda a terra. 
Ele não se cansa nem fica exausto, 
sua sabedoria é insondável.


29. Ele fortalece ao cansado 
e dá grande vigor ao que está sem forças.

30. Até os jovens se cansam e ficam exaustos, 
e os moços tropeçam e caem;

31. mas aqueles que esperam no Senhor 
renovam as suas forças. 
Voam bem alto como águias; 
correm e não ficam exaustos, 
andam e não se cansam.


Isaías 40

domingo, 1 de maio de 2011

Feliz Dia do Trabalho! - Não tenhas sobre ti

No dia 1° de maio comemora-se o “dia mundial do trabalho” desde 1889.
Por isso, em homenagem ao “dia do trabalho”, montamos um videoclipe em cima da música Não tenhas sobre ti gravado pelo grupo Milad em 1986.

Há um dito popular que diz “ah, se eu soubesse quem inventou o trabalho... Eu o mataria!”
Entretanto, o que sempre nos esquecemos é que foi o próprio Deus quem inventou o trabalho - Ele trabalhou 6 dias. Ele também deu trabalho para o homem: dar nome aos animais, cuidar da criação, do jardim de Deus. No paraíso se trabalhava!
Talvez a reclamação que temos em relação ao trabalho seja por conta dos “cardos e espinhos”; depois do pecado, os frutos seriam obtidos mediante suor.  Realmente, neste mundo em que vivemos, dá trabalho trabalhar.
Contudo, mesmo o fardo do trabalho suado aqui da Terra pode ser temperado com ventos e alentos dos céus, da eternidade. Com Deus, os problemas mais difíceis podem ser solucionados.

Através das imagens do videoclipe, queremos dizer que no mundo passamos por aflição, mas tenhamos bom ânimo, Jesus venceu o mundo (João 16.33). 
Mesmo em meio ao mais duro trabalho, podemos encontrar descanso em Deus. Afinal, foi ele mesmo quem inventou o descanso!!! (Ele descansou no sétimo dia.)

Há muitos versículos que trazem conforto em relação ao trabalho árduo e suado.
Descobri também que poder comer, beber e ser recompensado pelo seu trabalho, é um presente de Deus. Eclesiastes 3:13
Para o homem não existe nada melhor do que comer, beber e encontrar prazer em seu trabalho. E vi que isso também vem da mão de Deus. Eclesiastes 2:24
E, quando Deus concede riquezas e bens a alguém, e o capacita a desfrutá-los, a aceitar a sua sorte e a ser feliz em seu trabalho, isso é um presente de Deus. Eclesiastes 5:19
Você comerá do fruto do seu trabalho, e será feliz e próspero. Salmos 128:2
Todo trabalho árduo traz proveito, mas o só falar leva à pobreza. Provérbios 14:23
O dinheiro ganho com desonestidade diminuirá, mas quem o ajunta aos poucos terá cada vez mais. Provérbios 13:11
Finalmente, sendo empregado ou patrão, encontramos um conselho com valores do Reino de Deus em Colossenses 3:
Tudo o que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor, e não para os homens, Colossenses 3:23

Que você possa ouvir a música enquanto vê as imagens, e, meditando nesses versículos com espírito de total submissão a Deus, orar pelos seus colegas de trabalho, pelos chefes e/ou subordinados e abençoar o local onde Deus te colocou.



Na paz e no amor do Senhor,
Ester e Rebeca Hansen
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...